Perfumes

 

Ninguém conhece tão bem perfumes cítricos como os brasileiros. Verões extensos e dias de inverno com temperaturas acima de 25 graus pedem o frescor que somente as frutas cítricas podem propiciar. Isso não significa que você tenha que cheirar a aromatizador de ambientes. Como solução, proponho cinco obras-primas da perfumaria que vão trazer, além de exclusividade, o alívio e o bem estar para você se esquecer do calor:

 

Savage2

Eau Sauvage (Dior)

Fazer uma lista dos melhores cítricos e não incluir Eau Sauvage seria como não colocar “O Poderoso Chefão” na lista de melhores filmes de drama. Os mais jovens às vezes torcem o nariz para perfumes lançados antes da década de 90. Este foi lançado em 1966 e mantém-se atual até hoje. Seu criador, Edmond Roudnitska, juntou alecrim com limão e manjericão, e introduziu pela primeira vez a molécula floral hediona, que revolucionou a história da perfumaria e coroou o Eau Sauvage como o rei dos cítricos.

 

Jardin Hermes Perfume

Un Jardin sur le Nil (Hermès)

Esta é uma alternativa para quem gosta de fugir da mesmice dos perfumes com cheiro de caipirinha. Un Jardin sur le Nil foi o segundo da série “Un Jardin” criada pelo mestre Jean-Claude Ellena. A sacada de Ellena, depois de uma temporada no Egito, foi ter escolhido a manga verde como nota principal de sua composição e, em seguida, toranja (grapefruit). O cítrico foi então embalado com flor de Lótus, tomate, junco, entre outras coisas. O resultado é fenomenal.

 

Bvlgari Perfume

Eau Parfumée au Thé Vert (Bvlgari)

Dentro da série de perfumes a base de chá da casa Bvlgari, destaca-se o de chá verde. Pouco conhecida pelos homens, esta é uma fragrância unissex quase sempre posicionada na seção feminina da loja ou do site. Foi também criado por Ellena, que adicionou seus ingredientes preferidos à receita: bergamota e cardamomo. Ironicamente concebido para quem não gosta de perfume, Eau Parfumée au Thé Vert ganhou seguidores ao longo dos anos e acabou se tornando referência de cítrico chique.

 

Happy Clinique

Happy (Clinique)

Nomes de perfumes não são escolhidos aleatoriamente e Happy não é exceção. Depois de colocar na pele, parece que ele realmente dá um “up” no astral e funciona bem como um antidepressivo. Apesar de sua ficha técnica apresentar laranja, limão, lima, notas verdes e oceânicas, além de um buquê de flores diversas, para mim o resultado final é um delicioso creme de papaia. Não me entenda mal – não é uma fragrância doce e sim puramente refrescante e divertida.

 

Mugler Cologne

Mugler Cologne

Thierry Mugler é conhecido como o designer que introduziu o gênero gourmand no mercado, particularmente toda a série Angel ou A*Men. Talvez por este motivo, sua colônia-assinatura acabe passando despercebida. Mugler Cologne é uma fragrância unissex extremamente limpa e confortável. Em sua composição encontram-se neroli, bergamota, almíscar e uma molécula sintética secreta. O neroli e a bergamota dão o toque fresco, enquanto o almíscar e a tal molécula dão o toque macio, como aquele cheirinho de ferro passando roupa.

Estas são excelentes opções para aproveitar o que sobrou do verão, mantendo-se fresco e sem cheirar a colônia de farmácia. É difícil errar usando perfume cítrico e, por isso mesmo, o desafio aqui é ser original.

Se você gostou dessa matéria, com certeza vai gostar de ler o TOP 5 – Melhores Perfumes Masculinos.

Tonanni

Enrique Iglesias Moda

Enrique who? hehe! Brincadeiras a parte, O Enrique Iglesias não ficou muito conhecido aqui no Brasil mas confesso que ele tem um estilo de se vestir bem legal.

Pelo que eu andei pesquisando, tanto no show quanto no dia-a-dia, a forma dele se vestir é praticamente a mesma, um look bem básico e bem desencanado.

Por mais que hoje em dia ele não esteja tão conhecido mundialmente, ele emplacou dois hits na primeira posição da “Billboard Hot 100” e conseguiu o recorde de produzir 22 hits espanhóis em primeiro lugar na “Billboard Hot Latin Tracks”. É o cantor com mais canções em primeiro lugar na “Billboard’s Dance Charts”, com nove músicas no topo da parada. Ta bom pra vc?

 

Enrique Iglesias Moda

 

Ele gosta bastante de usar boné, na maioria das vezes em entrevista, o que da um ar “celebridade” descolada que é super cool. Se não me engano ele tinha uma pinta bem característica do lado direito do rosto e acabou tirando.

Ao longo de 16 anos de carreira, Enrique já vendeu cerca de 100 milhões de álbuns e 60 milhões de singles, fazendo-o o artista espanhol que mais vendeu em todos os tempos, depois de seu pai Julio Iglesias.

 

Enrique Iglesias Pinta

 

Pra quem acha que ele já caiu no esquecimento se engana. A fortuna pessoal de Enrique Iglesias está avaliada em US$ 500 milhões e continua produzindo hits em parceria como Usher e Ludacris.

 

Enrique Iglesias Moda

Agora vou postar o último clipe do Enrique, é a música I’m a Freak em parceria com o Pitbull. Solta o som ae!

Curtiu
Tonanni
Revenge Quotes

A melhor vingança é o sucesso infinito.

Curtiu
Tonanni
12345
Se inscreva no mailing!
Seja convidado pra eventos e receba atualizações!