O tão aguardado lançamento de 007 Contra Spectre me fez pensar por que um personagem como James Bond fez e continua fazendo tanto sucesso no cinema.

É a franquia mais duradora da história. Lógico, os filmes são bem feitos e as histórias um prato cheio pra quem gosta de ação. Mas me refiro ao personagem mesmo, a figura Bond. É o jeito mulherengo? A personalidade sexy que esconde um bad boy? Os carros que ele tem? O jeito de lutar ou matar mil pessoas ao mesmo tempo? O estilo impecável? Acabei não chegando a nenhuma conclusão e ao mesmo tempo a uma única resposta: é tudo isso. E muito mais.

A verdade é que metade das pessoas que assistem a um filme do 007 deseja aquele homem e a outra metade quer ser aquele homem. Algumas vezes as duas coisas, por que não? O cara é referência mundial de comportamento e estilo e temos muito a aprender com ele. Se não podemos ser um agente secreto, pelo menos alguns ensinamentos conseguimos trazer para nossa realidade, né? Dá uma olhada como:

James Bond Style James Bond Style James Bond Style James Bond Style James Bond Style James Bond Style James Bond Style
Tonanni

Pergunte para uma mulher o que ela mais gosta de comprar e a resposta, muito provavelmente, será: sapatos!

Acho que elas sabem de algo que a gente não sabe ainda, não é possível. Pra que tantos, meu Deus! Homens são mais práticos….um tênis, um chinelo, um sapato preto e um marrom, um sapato mais esportivo e outro mais casual, voilà……. É, não é bem assim.

De fato, quando pensamos em acessórios e o que pode chamar a atenção ou mudar completamente o look dificilmente o sapato é o que vem primeiro à cabeça. Afinal, ninguém fica olhando pro chão, né? Mas saiba que ele é, sim, de extrema importância e faz uma baita diferença no conjunto. Então, se você é daqueles que fica só no sapatênis ou negligencia os sapatos de uma maneira geral, conheça as opções que qualquer guarda roupa masculino que se preze deve ter.

Dockside
Desde que caiu nos bons olhares da moda, o sapato fodão do verão continua em alta, ainda mais agora que o clima vai começar a esquentar. Os docksides ou boat shoes são definidos pelo detalhe do cadarço na parte superior e lateral e a sola de borracha antiderrapante. A maioria dos homens prefere usá-los com shorts, mas ficam ótimos em um look casual, como um chino ou calça jeans. São super fáceis de combinar e te deixam estiloso em qualquer situação que permita um look mais despojado. Só, pelo amor, não use meias de jeito nenhum.

Botas de Cano Alto
Esse estilo de calçado foi meio que roubado dos militares ou emprestado pelos roqueiros e eram exclusivamente feitos em couro, mas hoje já existem mil variedades e outros materiais. Ficam extremamente estilosos e levantam até o visual mais básico tipo jeans e camiseta branca. Seja o modelo que for, a dica é usar uma com uma calça mais justa. Se usar a barra pra fora da bota, a calça tem que ser de corte reto. Se usar por dentro, a calça deve ser bem skinny.

Loafer
Um clássico. É um dos sapatos mais formais e antigamente só se usava com uma roupa elegante, tipo smoking e gravata borboleta. Graças a Deus, esse modelo sem cadarço evoluiu bastante e, agora que ganhou mil cores, bordados e tecidos diferentes, fica muito bem com jeans e camisa pólo também. Elegante , confortável e conhecido por sua flexibilidade, virou um sapato casual e esportivo. Os modelos de veludo são incríveis. Quando for usá-lo com bermudas e calça skinny, vale a regra do dockside: sem meias.

Brogue
O brogue também é um clássico, mas ganhou novos materiais e até brincadeiras de cor, migrando das situações formais para as informais. Elé é um pouco mais estilizado do que os oxfords e o bico se estende sobre os lados do sapato em forma de uma asa – por isso em inglês se chama “wing tip”. Outro detalhe legal são os buracos perfurados que diferenciam o brogue dos outros sapatos e criam um desenho bacana. Dica de ouro: experimente usar as happy socks com o brogue. Fica incrível.

Sola Colorida
Esse já é pra um nível mais avançado de estilo. Sabe aquele pequeno detalhe que faz toda a diferença? Então, é esse o caso. A onda de sapatos masculinos com solado colorido pegou lá fora e, se você é um cara que está a fim de investir em um detalhe ou começar a respirar novos ares, esse solado é a dica perfeita. A cereja do bolo.

Pra quem é mais versátil, todos os modelos são tipo “must have”. Agora, se você é mais clássico, mais rockeiro ou mais praiano, pelo menos um desses sapatos deve chamar a sua atenção. Comece a investir mais nos calçados. De verdade, eles vão mudar seu visual!

Tonanni
Tonanni Estilo T

Não se iluda: a palavra estilo está tão banalizada quanto “bom dia” e “por favor”. O problema disso? Parece que nós ficamos vítimas desse mal e estamos cada vez mais ansiosos atrás de um. Vai dizer que você nunca olhou pro seu armário e pensou: “como eu queria me vestir melhor”? Pois é, saiba que você não está sozinho. Muita gente pensa assim e quer ser mais ousado, mais autêntico, só não sabe como.

Primeiro, entenda que, infelizmente, estilo virou uma mercadoria hoje em dia. Se você puder pagar, é possível ter. Simples assim e sem esforço. E aí geral investe na última calça da última coleção do último desfile do estilista mais top e acha que, pronto, tá estiloso. Não é bem assim. Eu acredito e tenho fé que estilo não é ter a roupa mais cara ou o chapéu brega que dizem ser exótico. Já ouvi algumas vezes que se vestir com Prada é fácil, difícil é ficar incrível com roupas de brechó. Acho que isso resume bem todo o conceito, né? Então, se você quer melhorar um pouco – ou completamente – a maneira como se veste – seguindo seu gosto e vontade próprios – espero que essas dicas possam ajudar.

Personalidade
Pode ser banal, mas não dá pra começar a falar de estilo sem falar de personalidade. Você precisa saber quem é, do que gosta e aonde quer chegar. Não importa a sua aparência, se é punk ou mauricinho, você pode ter a profissão que quiser se acreditar nisso e ter personalidade para defender as suas ideias diariamente – e não ligar para a opinião ao redor. É preciso acreditar em si e se respeitar para que os outros passem a admirar você pelo que é.

Paciencia
É normal se sentir afobado quando decide mudar alguma coisa. Nós somos humanos e queremos ver resultados 10 minutos depois, eu sei. Mas tenha claro em sua cabeça que mudanças exigem planejamento e cautela, para não ultrapassar passos importantes que podem fazer toda a diferença lá na frente. Por isso se dê tempo. Vá aos poucos. Assim fica, inclusive, mais fácil de você e os outros ao redor se acostumarem com as mudanças.

Referencias
A melhor maneira para resolver a questão sobre o que você quer, é ir atrás de referências. Atores ou cantores, por exemplo, podem ser uma ótima fonte de inspiração, mas até pessoas próximas ou “normais” que você conhece e admira podem ser um norte de busca. O que você precisa é construir referências e ir montando uma “lista” pessoal de gostos. Essa lista pode vir de uma única fonte ou da mistura de vários estilos bacanas que você curte.

Grifes
Se você realmente quer mudar, precisa parar de achar que só roupa cara de marca veste bem. Aquele cara que consegue garimpar ofertas em lojas alternativas é, muitas vezes, mais interessante do que o que ostenta grifes estrangeiras. Há lojas por aí com preços bem mais convidativos e que têm peças tão ou mais legais do que as marcas conhecidas. Não seria mais legal descobrir uma marca pequena, mas que tem peças incríveis e acessíveis? Sem dúvida é mais exclusivo, pelo menos.

Ousadias
Um passo importante para um novo guarda-roupa é usar cores, estampas, tecidos e peças diferentes das que você está acostumado. É preciso começar a fugir dos usuais. Uma dica pequena, mas que faz uma enorme diferença, é comprar meias coloridas para combinar com o seu sapato. Inclusive já fiz um post sobre essa tendência. Além de dar um toque diferente ao look você vai começar a curtir a brincadeira e entender que uma peça ou um acessório ousado faz toda a diferença. E, aos poucos, vai começar a mudar seus hábitos de compra e construir um novo estilo.

Acessorios
Na busca por mais atitude, uma dica importante é abusar dos acessórios. Você não precisa ter muitos, mas que sejam bons e versáteis. Um relógio bacana, um anel, uma corrente legal, ou um óculos diferente pode comunicar o seu estilo mesmo que você saia na rua com um jeans e camiseta.

Makeover
Aproveite que você resolveu investir no look e pense em mudar o visual como um todo, ou seja, o corte de cabelo. Você vai ver como é libertador. Deixar crescer a barba ou cortar curtinho podem chocar a princípio, mas com o tempo as pessoas se acostumam e os elogios aparecem.

Obviamente, esse é um pequeno passo a passo para te incentivar a melhorar o visual e ganhar mais atitude. O importante é você seguir seu instinto. Você pode até ser referência e inspirar outras pessoas, quem sabe.

Tonanni
Se inscreva no mailing!
Seja convidado pra eventos e receba atualizações!