Sport

 

Usar ou não usar. Eis a questão. Muita gente argumentará que academia não é lugar de perfume, enquanto outros defenderão seu uso até a morte. De qualquer forma, não existe nada mais indelicado do que o seu vizinho de esteira exalar 1 Million. Aquele cheiro de balada será eficientemente projetado com o calor do corpo, e pairará sobre você como uma nuvem.

Um perfume sport não é simplesmente aquele que é mais leve. Assim como uma loção pós-barba tem a função de acalmar a pele, o perfume sport tem a função de refrescar. Ele tem o poder de tornar a atividade física mais gostosa e menos penosa, tanto para quem usa como para quem está por perto.

 

 

Dior Homme

Dior Homme Cologne

A formulação do Dior Homme Sport em 2008 deixou-o com menos cara de perfume sport. Em 2013 a Dior lançou a versão cologne, surpreendendo a muitos que começaram a perder confiança na marca. Dior Homme Cologne é simplesmente uma colônia deliciosa com uma nota marcante de grapefruit (toranja). Para mim, ele lembra muito o aroma da Novalgina efervescente, o que a torna muito mais fácil de ser ingerida. Tem um desempenho espetacular na pele e resiste a muitas flexões.  

 

 

 

Allure Sport

Allure Homme Sport (Chanel)

Extremamente versátil, Allure Homme Sport não só é excelente para atividades físicas como também para trabalhar ou até para ir pra balada numa noite quente. Diferente da maioria dos perfumes sport, esta fragrância tem notas orientais como fava tonka (um amendoado docinho), âmbar e pimenta. No entanto, suas notas cítricas e oceânicas, iluminadas por aldeídos e amaciadas por almíscar, torna-o o perfume sport mais sexy disponível no mercado. As mina pira.

 

Guerlain

Guerlain Homme L’Eau

Atenção para não confundir com o Guerlain Homme que, apesar de ser uma ótima fragrância, é bem diferente da versão colônia. L’Eau é para quem gosta daquele perfume gelado, com uma vibe de mojito por conta de suas notas de limão, menta e rum. O amargo vetiver da versão tradicional dá lugar à doçura da grapefruit, ou seja, menos seriedade e mais leveza. Com uma evolução fantástica na pele, só perde pontos por ser mais difícil de encontrar e, portanto, mais caro. Compre logo antes que seja descontinuado.

 

 

 

Versace

Versace Man Eau Fraiche

Um sucesso de vendas no mundo inteiro, este perfume ofuscou até mesmo sua versão original – o Versace Man. A nota enorme de tabaco e o clima sedutor do original deu lugar a frutas cítricas (curiosamente incluindo carambola) e um clima descontraído no flanker (versão). Foi concebido com inspiração no Mediterrâneo e suas árvores e frutas típicas. Versace Man Eau Fraiche é a alternativa mais amadeirada da lista, e por isso tem mais textura que os outros.

 

Azzaro

Chrome Sport (Azzaro)

Lançado em 2010 com vistas ao público jovem, este perfume, assim como outros da casa Azzaro, acabou sendo menosprezado e esquecido. Muito confortável e refrescante, Chrome Sport traz, além das notas óbvias cítricas e aquáticas, uma especiaria fria que dá aquela pitada de malandragem – o gengibre. Alguns podem reclamar de seu ar sintético (moléculas tentando reproduzir um aroma de grama recém-cortada, por exemplo), mas eu não tenho preconceito. Se gostou, tá valendo.

Outros perfumes que poderiam entrar nesta lista: Kenzo Homme Sport, L’Eau d’Issey Sport, Polo Blue, Blue Seduction e Lanvin Sport. O importante é não cair na armadilha dos flankers. A forma mais fácil das casas de perfume aumentar suas receitas é lançando versões de fragrâncias que deram certo. Potencialmente qualquer perfume pode ter sua versão esportiva; realisticamente poucos realmente passam no teste da academia.

Para acompanhar os posts todos os dias, curta a fan page do ESTILO T | Blog de Moda Masculina

Daniel Barros
Se inscreva no mailing!
Seja convidado pra eventos e receba atualizações!